Professores aproveitam visita de Caiado à Quirinópolis, cobram piso salarial e o fim da contribuição previdenciária de aposentados

Compartilhe...

Durante visita do governador Ronaldo Caiado (DEM), à Quirinópolis, nesta quarta-feira (02/ Fevereiro/ 2022), houve protesto por parte de professores. Antes da solenidade do lançamento de um programa para recuperação de estradas, em frente a sede da prefeitura, segurando cartazes, um grupo de educadores pedia o fim da contribuição previdenciária de 14,25% descontados dos salários dos aposentados e o pagamento do piso salarial para a categoria. Em determinado momento, uma professora chegou próximo ao governador e reafirmou as reivindicações contidas nos cartazes. Olhando para o governador, que digitava algo em um celular, a professora pediu “Devolve, por favor, esses 14% nosso. Tá fazendo falta. A gente pagou, a gente sofreu pra aposentar”. O governador perguntou qual era o salário da mulher. Diante da resposta, Caiado disse que o valor descontado era pequeno. Ao ser questionado sobre o piso, o governador disse que estava aguardando o presidente sancionar. A professora continuou insistindo na pergunta “O senhor vai dar esse piso, então?”. O governador disse “temos que ver se damos conta de pagar” e o diálogo foi encerrado, com a mulher dizendo “Dá, dá sim, se Deus quiser dá. O Estado é muito rico. Pois, é, olha com carinho pra nós, professores, porque faz falta, viu? Muito obrigada!”

FONTE: https://www.facebook.com/nossatvnet/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *